Sonhar não faz mal ...my open diary!!

Janeiro 22 2007

                               Estou para aqui deitada a ouvir musicas romanticas, a pensar na minha vida amorosa ( se é que se pode chamar assim, porque amor nela há pouco)...
 Começo a perder a fé de encontrar alguém ideal para mim... já me apaixonei tantas vezes na vida que se calhar já esgotei as minhas escolhas...
 Neste momento, estou carente ( mais do que é naturalmente costume), mas não é uma carência que necessite de atendimento urgente, daqueles que a façam passar e depois vão embora... Estou carente de alguém que me ame mesmo, para sempre... e a cada dia que passa começo a ver essa possibilidade mais longe. Se calhar a minha alma gémea já morreu, ou se calhar é mulher, daí a eu não encontra-la, ou se calhar devo ter feito algo de muito errado na minha vida, e não mereço ser amada... penso em todas essas possibilidades, porque o meu caso mais parece feitiço...
 Já namorei muito, e de santa tenho muito pouco, mas se calhar não sei amar, começo a pensar que se calhar o problema não está neles, mas em mim... devo ter algo de muito errado e ainda não descobri o quê... enfim... 
 Eu sei que sou um tanto ou quanto dificil de entender, mas não sou nenhum ser de outro mundo. Por vezes quando estou de cara amarrada é quando mais preciso de atenção, de mimos... o meu morto nunca conseguiu perceber isso, para ele era tudo muito mecanico, muito prático, tentei faze-lo compreender que as pessoas sentem coisas mas ele não alcançou o meu pensamento, uma vez que ele é desprovido disso ( sentimentos). De qualquer modo a ele também já não quero.
 Tudo o que queria era alguém que cuidasse de mim, não precisava ser um homem lindo de morrer, apenas alguém que fizesse clic no meu coração, e que o preenchesse de todas as coisas boas que ele precisa para sobreviver. Alguém que o aquecesse... só isso. Mas parece que o que eu quero não existe... pelo menos para mim. Ou se calhar sou eu que tenho o dedo podre e só escolho as frutas estragadas da cesta?! ...
 Devíamos gostar apenas de quem gostasse de nós... se assim fosse a esta altura da vida estaria feliz. Muitos foram aqueles em que se via nos seus olhos que realmente havia sentimento, mas o meu coração a esses nunca conseguiu falar. É sempre assim...
 Ainda há dias pensei para mim que nunca tinha escolhido "um alvo" e falhado o mesmo, todos os que miro atiro e "mato", o pior disso é que quando começo a ver a presa de perto vejo que devia te-la deixado solta, porque normalmente nunca correspondem ao que eu busco. Uns são os ditos bonitões, uiii, ficamos encantadas pela beleza, andamos com eles para fazer inveja ás outras mulheres, quando abrem a boca só se ouve : eu eu eu... veneram-se, acham-se os mais bonitos do Universo, ou seja ocos. Depois há os mais ou menos, que têm muito para dizer, são inteligentes, diferentes, mas depois na hora do "vamo vê" parecem coelhos em reprodução, não têm a minima ideia do que estão a fazer. Há ainda aqueles que têm tudo na cabeça, por dentro são perfeitos, mas por fora Deus meu, não há maneira de nos sentirmos atraídas por aqueles seres, esses normalmente acabam como nossos melhores amigos. Também existem aqueles mais ou menos em tudo, mais ou menos em beleza, mais ou menos em inteligencia, mais ou menos em educação... e a esses nem sequer os deixo aproximarem-se.Existe também a versão masculina da "loira burra", lindo lindo lindo, abre a boca e o melhor é fugir isto se não queremos ouvir coisas do tipo: "hoje está frio, o meu corpo deve estar a 29º graus" ( isto é veridico),claro que quando lhes dizemos que se estivesse com essa temperatura estaria em hipotermia ele vai verenar-nos para o resto da vida achando que somos "bué inteligentes" (palavreado deles), ou então odeiam-nos porque acham que nos estamos a armar...
 De qualquer modo, eu quero um HOMEM, alguém que não fale á toa, que tenha bases, educação, que respeita e é respeitado, alguém que saiba o que quer e que sabe exactamente o que fazer para lá chegar, um homem que tome decisões importantes com firmeza, alguém de quem eu me possa orgulhar e possa erguer os olhos aos céus todos os dias e dizer : "Obrigada por te-lo posto na minha vida"... Um homem que consiga encher-me os olhos de lágrimas de alegria, e fazer o meu coração palpitar cada vez que me beija.
 Tudo o que queria saber é, onde está o meu amor??? ...

PS: Esqueci-me de mencionar uma espécime de homem.
Aqueles ( que aos nossos olhos e coração são perfeitos) e dizem estar muito apaixonados por nós, mas são comprometidos e enrolam-nos sem nunca terem a verdadeira intenção de largar as respectivas

publicado por the biggest dreamer às 02:52

mais sobre mim
Janeiro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
11
12
13

14
15
16
17
18
19

21
24
25
26

28
30


pesquisar
 
blogs SAPO